Consórcio



Press Releases

06/09/2018

Matéria Extra - setembro de 2018 - FGTS

TRABALHADORES-CONSORCIADOS SACAM QUASE R$ 820 MILHÕES DO FGTS PARA AQUISIÇÃO DE CASA PRÓPRIA EM OITO ANOS

Valor máximo de imóvel possível de ser adquirido com saldo do FGTS subirá para R$ 1,5 milhão a partir de janeiro de 2019

A Resolução do Conselho Curador nº 380, de 12 de março de 2002, que estabeleceu critérios para liberação do saldo da conta vinculada do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço do trabalhador participante do consórcio de imóveis, autorizou sua utilização para a aquisição de moradia só para oferta de lances.

Pouco mais de sete anos depois, em 13 de outubro de 2009, a Lei 12.058 acrescentou permissões para amortização, liquidação e pagamento parcial de valores relativos a cota já contemplada do Sistema de Consórcios.

De 2010 para cá, aproximadamente 30 mil participantes ativos, ao longo de quase oito anos, sacaram aproximadamente R$ 820 milhões para complementar o valor do crédito, ofertar lance e reduzir dívidas relativas a financiamentos de aquisições pela modalidade.

 
ALTERNATIVA

Dependendo do montante, uma opção para o participante não contemplado no Sistema é utilizar o saldo do FGTS, total ou parcial, para ofertar lance e, se declarado vencedor, de acordo com as regras indicadas em contrato, acelerar a sua contemplação. Ao fazer isso, o trabalhador-consorciado terá a possibilidade de reduzir o número de prestações vincendas ao realizar a quitação de parcelas na ordem inversa dos vencimentos, isto é, da última para trás, ou ainda diminuir o valor do pagamento mensal pela diluição da importância naquelas a vencer.

"Apenas para exemplificar, o saque na conta do FGTS pode ser, para muitos, a ocasião de adquirir sua casa própria, sonho maior do brasileiro, bem como formar ou ampliar o patrimônio", explica Paulo Roberto Rossi, presidente executivo da ABAC Associação Brasileira de Administradoras de Consórcios. "Existe ainda, a partir desse patrimônio, constituído de acordo com as normas do Conselho Curador, a possibilidade de conseguir uma boa "aposentadoria imobiliária" com os rendimentos auferidos pela locação do imóvel", complementa.

Para os que ainda não participam do Sistema de Consórcios e desejam adquirir imóvel, a importância poderá se destinar ao início de uma nova forma de gerir as finanças pessoais, planejando para os próximos anos. "Para tanto, bastará adquirir uma cota de imóvel e a qualquer momento utilizar o saldo da sua conta do FGTS e concretizar seu objetivo", complementa Rossi.

AQUISIÇÃO DE IMÓVEL NOVO TEM NOVOS LIMITES

Recente resolução do Conselho Curador do FGTS e do Conselho Monetário Nacional alterou o limite para o uso, pelo trabalhador-consorciado, do saldo da conta vinculada do FGTS em moradia própria.

A medida eleva para até R$ 1,5 milhão o máximo do valor do imóvel que poderá ser adquirido por trabalhadores-consorciados com utilização do saldo do FGTS a partir de 2019, em qualquer lugar do país.

Atualmente, o limite do valor do imóvel, que pode ser financiado pelo Sistema Financeiro Habitacional (SFH), que permite empregar tais recursos, é de R$ 950 mil em São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Distrito Federal. Nos demais estados é de R$ 800 mil.

SISTEMA DE CONSÓRCIOS

No primeiro semestre, o consórcio de imóveis registrou crescimento em participantes, vendas de novas cotas, créditos comercializados, tíquete médio, contemplações e créditos concedidos, em relação ao mesmo período de 2017. O destaque foi o recorde anual de vendas com 23,25 mil adesões alcançado em junho último.

   
- PARTICIPANTES ATIVOS CONSOLIDADOS (CONSORCIADOS)
  - 862,5 MIL (JUNHO/2018)
  - 804,0 MIL (JUNHO/2017)
  CRESCIMENTO: 7,3% 

- VENDAS DE NOVAS COTAS (NOVOS CONSORCIADOS)
  - 122,25 MIL (JANEIRO-JUNHO/2018)
  - 114,65 MIL (JANEIRO-JUNHO/2017)
  CRESCIMENTO: 6,6% 

- VOLUME DE CRÉDITOS COMERCIALIZADOS (ACUMULADO NO PERÍODO)
  - R$ 16,57 BILHÕES (JANEIRO-JUNHO/2018)
  - R$ 15,22 BILHÕES (JANEIRO-JUNHO/2017)
  CRESCIMENTO: 8,9% 

- TÍQUETE MÉDIO DO MÊS (VALOR MÉDIO DA COTA NO MÊS)
  - R$ 136,5 MIL (JUNHO/2018)
  - R$ 132,5 MIL (JUNHO/2017)
  CRESCIMENTO: 3% 

- CONTEMPLAÇÕES
  (CONSORCIADOS QUE TIVERAM A OPORTUNIDADE DE COMPRAR BENS)
  - 35,4 MIL (JANEIRO-JUNHO/2018)
  - 33,9 MIL (JANEIRO-JUNHO/2017)
  CRESCIMENTO: 4,4% 

- VOLUME DE CRÉDITOS DISPONIBILIZADOS (ACUMULADO NO PERÍODO)
  - R$ 3,54 BILHÕES (JANEIRO-JUNHO/2018)
  - R$ 3,39 BILHÕES (JANEIRO-JUNHO/2017)
  CRESCIMENTO: 4,4% 
..................................................................................................................................

CONHEÇA O MAIS NOVO LANÇAMENTO DA ABAC:
A CARTILHA "NA CORDA BAMBA" SOBRE EDUCAÇÃO FINANCEIRA

OUTRAS INFORMAÇÕES SOBRE O SISTEMA DE CONSÓRCIOS PODEM SER ENCONTRADAS NO SITE www.abac.org.br

Clique em A ABAC e conheça nossas cartilhas:
Prof. Ábaco e seus alunos: uma história de bons colegas, um grande mestre e as melhores aplicações.
Consórcio, a arte de poupar em grupo!
Consórcio + FGTS = Casa Própria.
Baixe também a Planilha de Custos para controlar seu orçamento mensal que está inserida na cartilha Consórcio, uma poupança programada.

ACOMPANHE TAMBÉM OS CONSÓRCIOS PELO TWITTER - www.twitter.com/abacweb.
JORNALISTA, CADASTRE-SE NA SALA DE IMPRENSA DO NOSSO SITE - www.abac.org.br

ATENÇÃO: ACESSE O SITE DA ABAC.
VOLTADO AO CONSUMIDOR, O PORTAL CONTA COM UMA ESTRUTURA SIMPLES E INTUITIVA PARA INCENTIVAR O LEITOR A NAVEGAR E CONHECER MAIS SOBRE OS CONSÓRCIOS.


Mais informações:
Jornais, Emissoras de Televisão,                                        
Revistas, Sites e Emissoras de Rádio
Claudio Licciardi
Celular: (11) 9.8258-0444

Assessoria Abac

Rua Avanhandava, 126 - 5º andar

São Paulo - SP - CEP 01306-901

Tel.:(11) 3155-5252